Mensagem

Cadastre-se você também, ja somos 46 brothers no Clube Vip *****

RESERVADO PARA SUA PUBLICIDADE

Calendario

9 de dezembro de 2013

CONTA DE BARÃO



A Viúva gasta R$ 40 mil por ano com cada preso e R$ 15 mil com cada estudante universitário. Essa conta não vale para o ex-deputado Valdemar Costa Neto. Ele receberá também R$ 201,6 mil anuais como parlamentar aposentado. Seu patrimônio declarado está em R$ 1,7 milhão. Fora da declaração, provavelmente ele é o mensaleiro mais endinheirado. Costa Neto foi condenado a sete anos e dez meses de prisão e a pagar uma multa de R$ 1 milhão. Na ponta do lápis, preso, ele receberá da Viúva cerca de R$ 1,5 milhão. (Elio Gaspari/Folha de São Paulo)

LAUDO DIZ QUE ROBERTO JEFFERSON NÃO PRECISA DE PRISÃO DOMICILIAR 


O laudo médico dos três oncologistas do Instituto Nacional do Câncer (Inca) que examinaram o ex-deputado Roberto Jefferson (foto abaixo) atesta que o delator do mensalão não teria necessidade de permanecer em casa. 

Com base nesse laudo, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa, vai decidir se concede ou não prisão domiciliar a Jefferson. 

A assessoria de imprensa do ex-deputado confirmou que os advogados tiveram acesso ao laudo.
O documento, de 4 de dezembro, afirma que não foi encontrada “qualquer evidência” do câncer de que Roberto Jefferson se tratou; o delator do mensalão fez uma cirurgia em 2012 para retirar um tumor no pâncreas. 

“Do ponto de vista oncológico, esta junta não identifica como imprescindível, para o tratamento do sr. Roberto Jefferson Monteiro Francisco, que o mesmo permaneça em sua residência ou internado em unidade hospitalar”, informa o laudo médico, assinado por Carlos José Coelho de Andrade, Rafael Oliveira Albagli e Cristiano Guedes Duque, do Inca. 

BZ-Mesmo não sendo "flor que se cheire", Roberto Jefferson tem o mérito de ter denunciado e nominado o Mensalão.(O Globo )

MALANDRO ATÉ NA PAPUDA 

O julgamento e a condenação dos mensaleiros pelo Supremo Tribunal Federal determinaram um marco no Judiciário brasileiro que era tido e em prosa cantado como um Poder que ficava à margem e não alcançava ricos e políticos. 

O colegiado mudou radicalmente tal interpretação, que não estava errada, pelo contrário, e determinou um novo momento da Justiça brasileira, agora alcançável a brancos, negros, pobres, ricos e, principalmente os políticos. 

Mais quatro mensaleiros foram presos na quinta feira - Valdemar da Costa Neto que, no embalo, renunciou ao seu mandato de deputado federal, os ex-deputados Pedro Correia e o Bispo Rodrigues e, mais, Vinícius Samarane. 

Cada preso significa uma vitória do Supremo, que ainda tem uma leve influência de quem indica, no caso o presidente(a) da República. 

(Samuel Celestino/Bahia Motícias)

Segunda-feira,09 de dezembro,2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.